quarta-feira, 6 de maio de 2009

Decepção. Ingratidão. Afeições destruídas
















Exercício de reflexão sobre esse assunto...
Por que se um dia voltar a acontecer eu lerei sempre essa parte do livro dos espíritos para me fortalecer...Não sei se estou exagerando, mas meu pavil ficou curtíssimo...

Perguntas extraídas do Livro dos Espíritos

937 As decepções causadas pela ingratidão e a fragilidade da amizade também não são para o homem de coração uma fonte de amargura?

– Sim; mas já vos ensinamos a lastimar os ingratos e amigos infiéis: eles serão mais infelizes que vós. A ingratidão é filha do egoísmo, e o egoísmo encontrará mais tarde corações insensíveis, como ele mesmo foi. Pensai em todos que fizeram mais o bem do que vós, que valeram muito mais do que vós, e que foram pagos com ingratidão. Pensai que o próprio Jesus foi zombado e desprezado quando na Terra, tratado de velhaco e de impostor, e não vos espanteis que o mesmo possa acontecer convosco. Que o bem que fizestes seja vossa recompensa neste mundo, e não vos preocupeis com o que dizem aqueles que o receberam. A ingratidão é uma prova para vossa persistência em fazer o bem e será levada em conta. Os ingratos serão tanto mais punidos quanto maior tiver sido a sua ingratidão.

938 As decepções causadas pela ingratidão não predispõe a endurecer o coração e fechá-lo à sensibilidade?

– Isso seria um erro, porque o homem de coração, como dizeis, está sempre feliz com o bem que faz. Ele sabe que se pelo bem que faz não o reconhecerem nesta vida, na outra o farão, e que ao ingrato restará a vergonha e o remorso.

938 a Esse pensamento não impede seu coração de ser magoado; portanto, isso não poderia originar a idéia de que seria mais feliz se fosse menos sensível?

– Sim, se preferir a felicidade do egoísta, que é muito triste! Que ele saiba que os amigos ingratos que o abandonam não são dignos de sua amizade e que se enganou sobre eles; portanto, não deve lamentar sua perda. Mais tarde, encontrará outros que o compreenderão melhor. Lamentai aqueles que têm para convosco um comportamento ingrato que não merecestes, porque terão amarga recompensa, um triste retorno; e também não vos aflijais com isso: é o meio de vos colocar acima deles.

A natureza deu ao homem a necessidade de amar e de ser amado. Um dos maiores prazeres concedidos na Terra é o de encontrar corações que simpatizam com o seu, o que é indício de uma felicidade que lhe está reservada no mundo dos Espíritos perfeitos, onde tudo é amor e benevolência; é um prazer recusado ao egoísta.

3 comentários:

dalailam disse...

Olá,André.Eu penso que a decepção é diretamente prporcional a espectativa que nós colocamos no outro.Nós somos todos iniciantes na escola "das vidas",é por isso que as reencarnações são fundamentais para o nosso crescimento.É só lembrarmos que Jesus não se decepcionou com a humanidade,pelo contrário ajuda-nos a crescer.As pessoas ingratas precisam de tempo para mudarem. O que conforta é que todos nós evoluiremos mais cedo ou mais tarde.Um abraço e muita paz.

Fantomas Corinthiano disse...

André.... o Bolha!!!

Fantomas Corinthiano disse...

André, vê se você acha por aí o livro:
- O Terceiro Milênio (Irmão X)
autor: Alcor Fayard

Por aqui em Sampa e na Internet eu não achei pra comprar.

Esse livro espírita é sobre a hecatombe (nuclear ou natureza) que destruirá boa parte da Terra com muitos detalhes sobre vários países destruídos e a vez do Brasil como potência mundial.

Parece que foi publicada só uma tiragem dele e depois pararam....

Abraço...

Blogger news

About

Loading...

Blogroll

Pesquisar este blog

Blogger templates