segunda-feira, 6 de outubro de 2008

Estamos em Festa




E a cidade está em festa. “Cervejadas”, carreatas, shows e muita gente pulando de alegria. Será copa do mundo? Do jeito que está a seleção eu acredito que não. O Dunga está na corda bamba. (risos). Ah! É verdade. Mais uma vez o compromisso (obrigação) de apertarmos um botãozinho, para decidirmos o futuro, foi acionado.


Mas eu gostaria de entender o porquê de tanta exaltação assim. Estamos comemorando o que? É engraçado como funciona a mente do povo brasileiro. Todos sabem que a história do país tem em sua origem a exploração de seus recursos naturais. Crescemos escutando que somos um povo sofrido e trabalhador. A miséria sempre fez presente em forma de educação, saúde, segurança, trabalho e cultura. É de se espantar que o Brasil viva nessa realidade absurda com tantas terras agricultáveis, diversidades biológicas, águas, e recentemente petróleo em abundância. Agora eu me pergunto: Por que ninguém faz festa em final de mandato? Ninguém sabe como será daqui pra frente! Ou será que alguém tem uma bola de cristal?


Mas de uma coisa o povo brasileiro já demonstrou muito bem. Ninguém quer perder. Já somos tão agredidos pelo valor do salário mínimo, desemprego, falta de habitação, altos impostos, etc. Mas quem está preocupado com isso. Eu quero é ganhar e “bebemorar”, afinal, somos o país do penta.


Somos revoltados com a corrupção dos políticos, mas será que se acharmos uma carteira recheada de grana a devolveremos? Colocar a culpa neles é fácil, mas quero ver quem realmente faz a sua parte nessa nação que, aos pouco, vejo perder sua identidade em demasia. É triste pensar que o “jeitinho brasileiro” ainda predomina nas veias dos brasileiros. É mais gostoso né! Rola a maior adrenalina! Afinal, temos que comemorar! Não podemos desanimar! É festa! O tempo é curto e precisamos aproveitar a vida.


As eleições acabaram. Daqui para frente serão mais quatro anos para escrever a história santa-rosense. Os candidatos em 1° de janeiro de 2009 estarão todos para formalizar seus compromissos com o nosso município. Torço para que o povo realmente esteja certo. Que realmente votaram pensando nos melhores representantes que poderíamos ter neste momento. Que o “jeitinho brasileiro” tenha sido eliminado. Que não tenham votado em causa própria. Que não tenham votado porque é parente, bonzinho ou “coitadinho”. Enfim, que os representantes tenham a total consciência de seus deveres para com a população e conseqüentemente a constituição, afim de votarem leias sábias para o progresso de nossa querida Santa Rosa de Viterbo.


Espero que essa festa, que tomaram parte, não seja em vão, e que possa durar até o final de 2012. Lembrem-se, foram feitos muitos compromissos à população, e o dever é cobrar cada proposta que os próprios candidatos assumiram publicamente por meios tácitos e escritos. Rogarei todos os dias, para que vocês tenham realmente acertado seus votos, e que em vez de zumbidos, reine a paz de suas consciências...


André Luís Salgado

Cidadão Santa-rosense

2 comentários:

Anônimo disse...

André,
Adorei esse texto, foi bem uma verdade!!!!
Acho até que é capaz do povo, por ser tão burro, aceitar como um elogio!!!!
Amei...
Beijos

Jorge A.B.Lima disse...

Oi André,
Você tem um estilo de escrita que consegue transmitir o que pensa, sem grandes rodeios. Quanto as eleições e a todas as festas, que daqui pude ver algumas, realmente, sinto que existe uma nuvem de poeira que cobre a realidade da maioria população. Comemoramos a democracia mas, que democracia? Quantas pessoas podem fazer escolhas nas suas vidas? Infelizmente, nossa liberdade está restrita ao voto, ou melhor, ao processo eleitoral que ocorre a cada dois anos. Vivemos a ditadura da hipocrisia, com forte apoio da moral e dos bons costumes.

Blogger news

About

Loading...

Blogroll

Pesquisar este blog

Blogger templates