quarta-feira, 12 de novembro de 2008

Amor Divino















Idéias brilhantes irradiam pelos astros

Em mundos regeneradores vivem a esperança

Espíritos consoladores norteiam os rumos das almas

Leis imutáveis regem a perfeição


Terra nossa querida casa

Um dia terei de deixá-la

Com amor a levarei comigo

Pelo cosmo infinito


Outros astros contemplaram as glórias

A beleza e a pureza serão estados inerentes da espiritualidade

Mas não estarei sozinho, meus amigos

Comigo levarei o amor que tenho por vós, irmãos


Lá reencontrarei meus entes amados

Da sinestesia musical esperarei enxergando melodias

Até que toda família se reúna novamente em júbilos

Marchando em conjunto ao progresso infinito

2 comentários:

Michelle disse...

Maninho, belíssimo este poema.Tocou-me profundamente.Espero que possa ser lido por pessoas incriveis como voce.E toca-las intimamente como me tocou.
Parabens

Queridinha disse...

que poema mais lindo... é possível que voe....e voe bem alto...Meu filho querido e amado porque nao escreve mais?tem andado muito desanimado... nao pertube teu coraçao, és tao nobre e belo... as coisas se resolvem com o tempo e com muito amor... tens mutio que trabalhar em prol de seus irmãos e tuas palavras os confortam, tem recebido muitas inspirações do alto e sabeis disso, tens conhecimento sobre tais energias, nao deixe de orar por seus entes que já se foram... eles lhe sao muito gratos... fique com Deus e Nosso Senhor Jesus Chisrto.

Blogger news

About

Loading...

Blogroll

Pesquisar este blog

Blogger templates