sábado, 11 de outubro de 2008

Hoje é outro dia...









Hoje é outro dia

Desperto na esperança de novos tempos

Como a fênix, sinto-me ressurgindo

A caminhar pelos novos desafios da vida


Busco nas palavras meu conforto

Na escrita minha válvula de escape

Mas meu coração permanece em paz

Porque se doar nunca é demais


Plantar os valores que acreditamos

É certeza de colheita vindoura

Ontem pode ter descido uma tempestade

Mas Hoje, o clarão do sol traz nova esperança


Nunca deixarei de olhar nos olhos

Manter-me-ei sempre erguido para os desafios

Amar alguém não é pecado

Pecado é não amar quem te faz bem


Abra o coração que nunca mais temerás

Porque quem ama não tem medo

Quem ama sabe esperar a hora certa

E eu estarei aqui quando chegar


Hoje é outro dia...

2 comentários:

Monica™ disse...

Oi André. Senti um conforto lendo esse post. Preciso mesmo acreditar q sempre há um novo dia q deve ser construído com minhas próprias mãos. Agora, deixa de ser um menino mal e passa no meu blog ta ? Beijo gde.

Anônimo disse...

Ainda bem que os dias passam pelas nossas vidas e desaparecem ao cair a noite...tem horas que nada como um dia após o outro,para enterrar nossas falhas, e exercitar o perdão.

Mi

Blogger news

About

Loading...

Blogroll

Pesquisar este blog

Blogger templates