terça-feira, 10 de novembro de 2009

O Consolador - A Ascenção

















Passaram-se centenas de anos terrenos
Conservo-me em regiões de paz
Relembrando sempre o dia da luz celestial
Que me arrebatou do torpor quase indissolúvel

Reencarnações de expiações e provas
Lapidando meu interior vazio e escuro
Veio acalentar dando-me diretrizes à mundos vindouros
Mostrando-me o caminho infinito de progresso

Oh Luz de misericórdia!
Passei vidas em sua busca
Na esperança de senti-la mais uma vez
Rompi os entraves amargos da vida

Hoje compreendo meus feitos
O sofrimento, meu companheiro
Que me despertou o coração ao eterno
Resignando-me ao exercício do perdão

O trabalho se tornou meu pão espiritual
Meus irmãos tesouros imortais
O abraço sem brilho do passado
Tornara-se o pilar da caridade

Neste momento de ascenção
Marcho rumo ao infinito
O amor reina em meu coração
Limpo de toda a selvageria e animosidade

Chegou-se a hora de partir
Meu entusiasmo toma conta de mim
A luz salvadora de outrora
Reluzirá diante de mim finalmente

Não me contento de alegria
Logo estarei contigo...

Um comentário:

Monica™ disse...

Oi André tudo bem ? O blog tá lindo ... perfeita harmonia entre imagens e palavras. Beijo.

Blogger news

About

Loading...

Blogroll

Pesquisar este blog

Blogger templates